sexta-feira, dezembro 3

сволочи русские

Partilhar


Sabia-se que o objectivo da candidatura ibérica seria a médio prazo, e, até 2018, quem sabe se não nos tornaríamos definitivamente mais uma província espanhola! Mas os senhores da Fífia assim não quiseram e declinaram as azeitonas ibéricas dando preferência à vodka e ao caviar russo. Agora, que teria dado todo o jeito ao Zezinho desfraldar mais esta bandeirinha para distrair o pobinho, lá isso teria!



6 comentários:

Rafeiro Perfumado disse...

Por acaso é chato, diexa-se de criar mais uma dúzia de empresas públicas para gerir isto e não vai haver folclore para nos distrair dos problemas.

Abraço e bom FDS!

Almeida disse...

Por acaso até fiquei satisfeito.A realização do mundial iria colocar-nos num patamar de endividamento superior ao que infelismente já nos encontramos.Deus
escreve direito por linhas tortas.

Um Abraço

Gi disse...

E agora lá vão os russos, ucranianos e etc. e tal para a Rússia, porque lá é que vai haver emprego.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

E eu não os critico pela scolha, embora tenha pena que não seja cá.

Kok disse...

Se é verdade o que dizem (que as despesas referentes ao 2004 ainda "vivem") acho que foi bom o "mundial" se dedicar à vodka.
Aliás, para termos 3 jogos cá talvez nem merecesse a pena o esforço do Sr. Madail.
Nem o esforço nem os 200 mil€uros gastos na tentativa.
Dediquem-se ao futebol de praia quem sempre é mais em conta!

1 abraço pah!

§-não é que eu não goste de futebol. Mas pelo que iria custar...

Teté disse...

Gostei! Pelo menos não podem vir com desculpas depois, que afinal não deu os lucros previstos, e sobrecarregar a malta com mais impostos.

Alguém faz uma festa com champanhe e caviar, enquanto os credores batem à porta para pagar dívidas antigas?! (escusas de responder, que sei que sim, com gente de más contas!) Mesmo dados os devidos descontos entre um país e um agregado familiar, ninguém deve perder o norte das contas de qualquer merceeiro... ;)