segunda-feira, abril 5

às vezes ponho-me a pensar,...

Partilhar



... mas só às vezes, e quando penso, às vezes, me dizem “lá estás tu a sonhar acordado”! Porque será que sempre que tenho um sonho eu acordo intrigado, a pensar nisso? E então se é um daqueles sonhos tipo pesadelo porque acordo assustado? Tenho a certeza que todos nós já tentamos analisar qual o significado dos nossos sonhos, e quão difícil é descobrir os segredos que encerram. Os nossos sonhos reflectem as nossas preocupações, os estados de espírito, momentos e situações que marcaram a nossa vida, o nosso quotidiano. De uma forma estranha e pouco perceptível já me aconteceu ter sonhos que não dizem nada, são sem sentido e nos quais, por muito que tente decifrá-los, não encontro um fio de lógica. Com a criatividade mental em todo o seu esplendor, sonho com pormenores irreais, enredos fantasiados e caóticos onde os personagens interagem sem controlo. No entanto intrigam-me muito mais outro tipo de sonhos e que raramente me ocorrem. São os sonhos que recordo com muita facilidade e que consigo analisar todos os seus pormenores com uma precisão assustadora, que me indicam uma preocupação que até se poderá tornar em realidade. E foi um desses que tive recentemente. Tive um sonho que se tornou numa má realidade e que me deixou muito perturbado. Não foi nada de grave mas que se traduziu numa espécie de premonição e confirmação das preocupações que me assolavam antes de me deitar. Agora vou tentar não pensar mais nisso e deixar que o sono regenere o corpo e a mente. O tempo que dormimos é a garantia que cada dia começa como um novo dia e não como o eternizar de um problema.

Acho que preciso de dormir mais e pensar... sonhar menos!


Tenham todos uma boa semana, ó faxabôre!



11 comentários:

Gi disse...

Ainda bem que, raramente, me lembro dos sonhos. :)

Rafeiro Perfumado disse...

Preocupante é o "às vezes" do título...

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Ultimamente sonho pouco ( ou melhor, lembro-me menos dos meus sonhos). Infelizmente, não me parece que isso signifique menos preocupações, mas apenas a necessidade que tenho de as sublimar. Prefiro sonhar acordado, embora isso seja bastante perigoso.
Uma boa semana.

Kok disse...

E quando não te "pões a pensar" o que é que estás fazendo?
Esta é uma questão que me intriga!

Sobre os sonhos, eu só me recordo do que sonho passados alguns dias. Haverá mesmo alguns sonhos de que nunca mais me recordo.
Sobre os seus significados? Não sei!
Como nunca foram indicativos de algo, dou-lhes uma importância relativa. Até agora...

Akele abraço pah!
E bons sonhos..........

Nanny disse...

Ultimamente é raro lembrar-me dos sonhos.

Mas ainda há uns dias me fartei de rir com um...

Uma coisa sei dizer-te: Se no período imediatamente antes de adormecer não andares a pensar em coisas sérias ou chatas, tens um sono muito mais descansado!

O hábito que alguma pessoas têm de ir para a cama a "remoer" nos problemas é muito prejudicial ao descanso...

Beijoca

Altamirando Macedo disse...

Meus sonhos tem o peso de minha consciência. É muito credor e o dindin é curto. O sonho nada mais é do que o reflexo de suas atribulações diárias. Talvez, um dia, eu sonhe colorido.
Abraços.

Sandra. disse...

:))

eu tenho vezes, mas mui raras, em q os meus sonhos fazem sentido :) os sonhos são memo assim, sem sentido, se n fossem n eram sonhos, seriam talvez como dizes premonições. Pracasu isso já aconteceu comigo, o acordar assustada, c medo do q vem a "seguir", dessas algumas vezes as coisas terem o desfecho do sonho, outras vezes sustos banais.Enfim, sonhos :)

besuuuuuuuuuuuuuus vizinhu e bons sonhos ;)))

Hélder Ferrão disse...

Os sonhos são muitas vezes reflexos da realidade. Eles manifestam os nossos receios, as nossas vontades... Muitas vezes eles servem até para nos preparar para o que aí vem e outras vezes são meras fantasias... Não os podemos controlar (sorriso)
Mas é sempre bom sonhar, porque isso é sinal que há vida mesmo enquanto dormimos...
Abraço

ψ Psimento ψ disse...

Olá, os sonhos são também uma das componentes mentais que mais me fascinam. Um dia gostava de intensificar os meus estudos nesta vertente porque acho que é possível apreender muita coisa com os sonhos . Podem dizer-nos o futuro? Não, não acredito. Mas podem ensinar-nos muito sobre o passado e o presente. abraço

Teté disse...

Ia alertar que o senhor da fotografia não está exactamente a pensar, mas antes a sornar (em vez de trabalhar)!

Mas pronto, já percebi que os sonhos (seu significado ou ausência dele) são o motivo do pensamento. E sim, tenho ideia que o nosso subconsciente às vezes nos prega partidas, transportando preocupações do dia a dia para esse mundo onírico. O que, assim como assim, só revela que estamos preocupados, não exactamente um vaticínio do futuro... :)

Beijocas!

FM disse...

Sonhar acordado, por vezes, é um excelente meio de obter respostas.
Abraço.